Quero ser Jogador – Dicas Jorge Avancini

Por   | 

Jorge Avancini, diretor de marketing do Sport Club Internacional, deu dicas para quem quer ser jogador de futebol profissional.

– Primeiro eu acho que é muita dedicação, muito emprenho e muita disciplina. Para qualquer um, não importa se vem de uma classe social humilde ou vem de uma classe social abastada. Ele vai ter que ter muita disciplina. Porque é uma atividade, que principalmente se ele tiver jeito para a coisa, ou que ele conseguir desenvolver jeito para a coisa, ele vai durante bom período da sua idade jovem, ele vai estar se privando de coisas que seus amigos não vão estar.

– Então, você vai abrir mão das festas, das namoradas, porque tu vai estar jogando, concentrando. Eu tô falando quando você vai participar, você começa se encarreirar para um time de peso. Então, isso ele tem que ter muita determinação, muita garra. É um mercado muito competitivo.

Avancini exemplifica a Seleção Brasileira.

– Quando você vê a Seleção Brasileira entrando em campo, e olha 11 jogadores, parece que é fácil, mas não foi. Esses caras, cada um deles, o próprio Tiago Silva como exemplo, ele foi rejeitado. Ele venceu no futebol porque ele foi insistente. É o que aconteceu com o Cafú, o lateral, o  Cafú conta a história dele, ele fez cinco peneiras para ser aceito. Depois virou no que virou.

– Então, tu não pode desistir do teu sonho, do teu desejo. E aí é que entra toda a estrutura. E, a medida que tu for crescendo, amadurecendo,  que isso começa lá, muito jovem, tu tem que te assessorar bem. Principalmente se tu vira um ídolo. Se tu consegue ser um jogador de destaque e chega a virar um ídolo.

– Porque, isso é o que vai te trazer, não só o fato da tua habilidade com a bola, da tua capacidade em campo, mas o restante hoje também pesa quando de uma contratação. Quando uma grande equipe hoje, vai avaliar para contratar um jogador, principalmente quando tu fala das equipes europeias, tu vê quanto é que este cara vai vender de camisas. Qual é o comportamento dele. Qual é o comprometimento dele com ações sociais, com questão de meio ambiente. Se ele é baladeiro ou não é baladeiro, por melhor que seja, se você pega equipes hoje que estão mais estruturadas, aí eu estou falando basicamente das equipes mais da Espanha e da Inglaterra, aquele cara que é o modelo do futebol brasileiro, “eu sou cheio de talento” “eu na hora resolvo”, mas eu sou um cara baladeiro, estou sendo sempre visto na noite, sempre com confusão, esse cara vai ter uma carreira curta.

Você quer ser jogador de futebol profissional?

Assista ao vídeo:

Veja dicas de marketing pessoal para jogador de futebol, clique aqui.

O blog de quem quer ser jogador. Compartilhe.