Patrícia Vasconcelos: “um passo de cada vez”

Por   | 

Patrícia Vasconcelos, assistente social do Sport Club Internacional compartilhou com o Quero ser Jogador uma reflexão que os jogadores de futebol devem fazer.

–  Eu acho que a carreira do jogador de futebol, é uma carreira mágica. Que o atleta de 16 anos, às vezes, está com o contrato de 500 reais, ai ele estoura. Ele dorme ganhando 500, e acorda ganhando 5 mil. Então, só no futebol acontece isso. Só que é um em um milhão. Não são todos atletas que são assim. Então os atletas têm que ter consciência disso, que é um passo de cada vez, que vão abdicar algumas coisas da vida.

– É uma carreira que custa a chegar, mas quando chega e se consegue chegar em um lugar legal, que te valoriza, que consegue te dar um salário legal, que tu consegue sustentar a tua família, que tu consegue ter as tuas coisas, e tu já tem que juntar, fazer o teu pezinho de meia, porque a gente não sabe o dia de amanhã.

– Porque, num jogo tu recebe um chute, quebra a tua perna e ai? Como faz dai?

Você tem consciência dos riscos que está correndo ao querer ser jogador de futebol?

Assista ao vídeo:

Para saber mais sobre o assunto família nas categorias de base, clique aqui.

Para conhecer mais sobre o serviço social no Inter, clique aqui.

O blog de quem quer ser jogador. Compartilhe.